Archive for the 'Filosofia' Category

Bertrand Russell e a Filosofia

by @ sábado, julho 24th, 2010. Filed under Filosofia

Bertrand Russell dizia que estudou formalmente matemática, deixando filosofia para estudos autodidatas porque não conseguiria fazer o contrário. Do mesmo modo que lamento a falta de conhecimento de física, matemática, cosmologia e biologia pelos filósofos, lamento a falta de conhecimento de filosofia pelos físicos, matemáticos, cosmologistas e biólogos. Esses ramos do saber não podem ser [...]

Dialética fenomenológica

by @ domingo, julho 18th, 2010. Filed under Cosmologia, Filosofia

Conceber o mundo como dialético em si mesmo, isto é fenomenologicamente e não só logicamente, é considerar que tudo o que existe surge da contrafação entre algo tomado como tese e o que lhe for antagônico, tomado como antítese, contrafação da qual emerge uma síntese que é o surgimento do que quer que seja. Neste [...]

O que é a Metafísica

by @ sexta-feira, julho 16th, 2010. Filed under Metafísica

A concepção de possibilidades não realizadas, bem como a análise do que pertença ou não à realidade, sua conceituação e a categorização de tudo o que existe, possa existir ou não, é uma atividade metafísica. A metafísica, diversamente do que se pensa, não se dedica a tratar do sobrenatural, apesar de levá-lo em consideração. Cuida, [...]

O que é “nada” e “surgir do nada”

by @ sexta-feira, julho 16th, 2010. Filed under Metafísica

Dizer se algo pode surgir do nada requer, preliminarmente, que se conceitue “nada”. Nada não é algo, mas apenas a palavra que designa a ausência de qualquer coisa. Nada é a falta de conteúdo em termos de matéria, radiação e campos, como também de espaço e tempo. Nada não é um vazio, pois no vazio [...]

Surgir do nada

by @ domingo, junho 27th, 2010. Filed under Cosmologia, Metafísica, Religião

O surgimento sem que tenha sido proveniente de algo anterior é comum às concepções fisicalista e criacionista. Note-se que isto não significa “surgir do nada”, como se houvesse algo denominado “nada”, sem conteúdo, do qual tudo proveio. Não é isto, mas sim que não proveio de coisa alguma. A diferença é que o fisicalismo considera [...]

Um filósofo deve ser polímata?

by @ domingo, junho 27th, 2010. Filed under Filosofia

Muitos filósofos foram polímatas, destacando-se Aristóteles. Mas isto não é necessário para ser filósofo. Polímata é o que entende de muitos assuntos (artes, ciências, ofícios, negócios etc.) em profundidade e não apenas razoavelmente. Isto todo filósofo tem que entender, pois Filosofia abarca a totalidade dos conhecimentos e fazeres humanos, discutindo-os e sistematizando-os. Um filósofo, além [...]

Contestações do Argumento Cosmológico

by @ domingo, junho 27th, 2010. Filed under Ateísmo, Metafísica, Religião

Passo a postar minha participação em um debate no Orkut sobre o “Argumento Cosmológico” para a existência de Deus, travado com o estudioso teológico criacionista protestante Vinícius Pinheiro, de Volta Redonda. O texto em itálico é do Vinícius. O debate pode ser visto na página: http://www.orkut.com.br/Main#CommMsgs?cmm=102514309&tid=5477802754424329834&na=1&nst=1 Colocação do Argumento: 1) O Princípio da Causalidade: Tudo [...]

Psicologia e Filosofia

by @ domingo, junho 27th, 2010. Filed under Filosofia, Psicologia

Em meu entendimento a psicanálise é uma prática terapêutica fundamentada em concepções do psiquismo que lhe são próprias. Assim, além de uma arte, ela pretende ser uma ciência, ou seja, uma escola de pensamento dentro da psicologia, como o são o estruturalismo, o funcionalismo, o behaviorismo, a gestalt, a psicologia fenomenológica, a neuropsicologia, a psicanálise [...]

Política e ética

by @ domingo, junho 27th, 2010. Filed under Política, Ética

Cidadania é uma atitude política e todas as atitudes estão sob a égide da ética. Maquiavel erra ao considerar que os fins justificam os meios. Toda ação humana, e muito especialmente se for política, tem que ser ética. Não digo moralmente correta, pois a moral é o conjunto de prescrições de como agir segundo os [...]

Refutação do Argumento Cosmológico

by @ sábado, maio 29th, 2010. Filed under Cosmologia, Filosofia, Metafísica, Religião

Há um argumento para a existência de Deus, denominado ARGUMENTO COSMOLÓGICO. O teólogo protestante William Lane Craig apresentou este argumento como segue: 1. Tudo que começa a existir tem uma causa para sua existência. 2. O universo começou a existir. 3. Um infinito real não pode existir. 4. Um regresso temporal infinito de eventos é [...]

[Ernesto von Rückert is proudly powered by WordPress.]