O conteúdo e a forma

by @ 21:37 on 15 abril 2006. Filed under Português

É comum se ouvir dizer que o importante é o conteúdo e não a forma. Sem dúvida o conteúdo é importante, mas, sem a forma, a mensagem perde a maior parte de seu poder de comunicar. Consideremos a nós mesmos. Certamente que somos feitos pelo conjunto de nossos átomos. Mas, este mesmo conjunto de átomos, caoticamente empilhados, não é coisa alguma. Cada um de nós é o que é, em todos os aspectos, porque o conjunto dos seus átomos está organizado de uma certa forma. É a nossa estrutura que nos faz ser o que somos. Teóricamente, se passarmos a informação da localização de cada um de nossos átomos, poderemos ser reconstituídos, integralmente, com outros átomos. Este á o princípio teórico do teletransporte, que a série de ficção “Jornada nas Estrelas” mostra. Assim também ocorre com qualquer mensagem. O conteúdo só ganha significado quando adequadamente formatado. Isto não vale só para um poema. A prosa também precisa da forma. E pode-se, perfeitamente, fazer poesia em prosa. Aplicar-se em apurar a forma do que se escreve, não só é um dever de cortesia para com o leitor como também é um excelente exercício mental para afiar a inteligência. Do mesmo modo que a musculação e a aeróbica modelam a musculatura e dão resistência física, a prática da formatação (e a de escandir) reforçam o vigor mental.

The URI to TrackBack this entry is: http://www.ruckert.pro.br/blog/wp-trackback.php?p=210

Leave a Reply

Please note: Comment moderation is currently enabled so there will be a delay between when you post your comment and when it shows up. Patience is a virtue; there is no need to re-submit your comment.

[Ernesto von Rückert is proudly powered by WordPress.]