Contribuição da Energia para a Massa

by @ 22:05 on 21 novembro 2008. Filed under Relatividade

O conteúdo de massa-energia de qualquer sistema tanto é responsável pelo encurvamento do espaço tempo que provoca (carga gravitacinal ativa), quanto pela pela resposta que dá a este encurvamento (carga gravitacional passiva). Assim, a temperatura e os movimentos internos de rotação e vibração (todos em relação ao centro de massa do sistema), contribuem para sua resposta gravitacional e inercial e, portanto, ao seu “peso”. Só que, para objetos de dimensões na escala humana e, mesmo, astronõnica, a contribuição da “massa de repouso” é estupidamente maior, de modo que a influência da temperatura e dos movimentos internos é quase desprezível. No entanto, no cálculo, por exemplo, da massa nuclear, as energias potenciais das interações e as energias cinéticas dos constituintes em relação ao centro de massa possuem uma ponderável contribuição à massa, que não é apenas a soma das massas de repouso dos constituintes, podendo ser maior ou menor (para elementos anteriores e posteriores ao Ferro). É esta diferença que dá a energia liberada na fusão e na fissão nucleares. Os livros de Física Nuclear têm a “Fórmula de Massa” dos núcleos. O mesmo se dá no caso de Galáxias.

The URI to TrackBack this entry is: http://www.ruckert.pro.br/blog/wp-trackback.php?p=2570

Leave a Reply

Please note: Comment moderation is currently enabled so there will be a delay between when you post your comment and when it shows up. Patience is a virtue; there is no need to re-submit your comment.

[Ernesto von Rückert is proudly powered by WordPress.]