Algumas considerações pessoais

by @ 14:25 on 25 novembro 2010. Filed under Ateísmo, Pessoal, Religião

No tempo em que eu era católico e acreditava em Deus, meu ideal era ser santo e, por vários anos, tentei me comunicar com Deus, inteiramente em vão. Passei a estudar minha religião, ao mesmo tempo em que estudava muita filosofia, física, cosmologia, biologia, história e outros assuntos (música, pintura, literatura etc). Nunca me contentei apenas com o que os professores ensinavam. Meus estudos e reflexões me levaram a concluir pela total impropriedade da fé e, em decorrência, de qualquer religião. A princípio, aos 19 anos, me tornei agnóstico e depois, pelos 23 anos, ateu, da modalidade cética, isto é, não dogmática. Desde então venho me aprofundando no estudo das argumentações contra e a favor da existência de Deus e estou cada vez mais convencido de sua inexistência. No entanto, tenho a mente aberta, de modo que posso mudar o meu modo de pensar, se convencido. Todavia isto ainda não se deu. Mesmo os argumentos do Craig eu considero insuficientes. Tendo feito mestrado em Cosmologia e sido professor de Física Quântica, pude ver que um dos principais argumentos a favor da existência de Deus, que é o de que todo evento seja efeito de uma causa, é algo que não ocorre necessariamente na natureza, em que muitos eventos não possuem causa alguma. Assim, o próprio surgimento do Universo não necessita ter causa. Mesmo que eu seja convencido de que Deus exista, acho muito difícil considerar que ele seja o ser que o cristianismo conceitua, possuidor de tripla personalidade, muito menos considerar que Jesus Cristo seja Deus e toda essa história da redenção, que me parece fabulosamente inverossímil. A aceitar algum Deus, para mim, seria o conceito deísta. Outro problema correlato, de difícil aceitação para mim, é a existência de uma alma imortal. Todos os indícios são no sentido de que a mente seja uma função do organismo, que se extingue com sua morte.

The URI to TrackBack this entry is: http://www.ruckert.pro.br/blog/wp-trackback.php?p=4179

Leave a Reply

Please note: Comment moderation is currently enabled so there will be a delay between when you post your comment and when it shows up. Patience is a virtue; there is no need to re-submit your comment.

[Ernesto von Rückert is proudly powered by WordPress.]